Warcraft A Saga Livro 1 : Capitulo 2

Continuando…. a pedidos

Sargeras e a Traição

Com o passar do tempo, entidades endiabradas fizeram seu espaço nos mundos dos Titã da Dimensão Inferior, e o Panteão elegeu seu maior guerreiro, Sargeras, agir como sua primeira linha de defesa. Um gigante nobre de bronze fundido, Sargeras levou a cabo os seus deveres durante milênios incontáveis, procurando e destruindo estes demônios onde quer que eles pudessem estar. Durante as eras, Sargeras encontrou duas raças demoníacas ambas poderosas que estavam brigando para ganhar o poder e domínio do universo físico.

O eredar, uma raça insidiosa de feiticeiros diabólicos, usando suas magias de bruxo para invadir e escravizar vários mundos. As raças indígenas desses mundos foram transformadas pelos poderes malévolos do eredar e se transformaram em demônios deles. Embora Sargeras tivesse poderes quase ilimitados eles eram mais que suficiente para derrotar o eredar vil, mas ele estava muito preocupado pela corrupção das criaturas e todo o mal os consumindo. Incapaz de entender tal depravação, o grande Titã começou a passar despercebido em sua depressão. Apesar de seu desconforto crescente, Sargeras libertou o universo dos bruxos apanhando-os dentro de um canto da Dimenssão Inferior.

Enquanto sua confusão e miséria afundavam cada vez mais, Sargeras foi forçado a afirmar aliança com outro grupo com intenção de romper a ordem dos Titã: o Nathrezim. Esta raça escura de demônios vampiros (também conhecido como dreadlords) conquistou vários mundos povoados possuindo seus habitantes e os transformando-os em sombras. Os abominaveis, dreadlords enganaram nações inteiras pondo umas contra as outras as manipulando em ódio irrefletido e desconfiança. Sargeras derrotou o Nathrezim facilmente, mas a corrupção deles o afetou profundamente.

Como dúvida e desespero Sargeras se sente subjugado, ele não só perdeu toda a fé em sua missão, mas também na visão dos Titãs de um universo ordenado. Eventualmente ele começou a acreditar que o conceito de ordem era loucura, e que caos e depravação eram absolutamente únicos na escuridão, de um universo. Os Titãs da mesma categoria dele tentaram o persuadir de seu erro e acalmar suas emoções furiosas, mas ele desconsiderou as convicções mais otimistas como ego-servido de desilusões. Sempre fazendo tempestades de seus graus, Sargeras teve a idéia de achar seu próprio lugar no universo. Embora o Panteão estivesse triste com sua partida, os Titãs nunca poderiam ter predito a perda de um irmão.

Até que loucura de Sargeras tivesse consumido os últimos vestígios de seu espírito valoroso, ele acreditou que os Titãs eram responsáveis pelo fracasso da criação. Decidindo, afinal, desfazer seus trabalhos ao longo do universo, ele planejou formar um exército imbatível que fixaria o universo físico flamejante.

Até mesmo Sargeras que tinha forma titânica foi pego pela corrupção que infestou seu coração uma vez-nobre. Os seus olhos, cabelos, e barba estouraram em fogo, e sua pele de bronze metálica dividiu-se abrindo e revelando um forno infinito de ódio devastador.

Na sua fúria, Sargeras quebrou as prisões dos eredar e os Nathrezim e deixou os demônios repugnantes livres. Estas criaturas espertas se curvaram diante a vasta raiva do Titã escuro e se ofereceram a para servir-lo de qualquer modo malicioso que eles pudessem. Dos graus do Eredar poderoso, Sargeras escolheu dois campeões para comandar o exército endiabrado dele de destruição. Kil’jaeden, o Enganador, que foi escolhido para procurar as raças mais escuras no universo e os recrutar para servir Sargeras. O segundo campeão, Archimonde, o Defiler, foi escolhido para conduzir os vastos exércitos de Sargeras em qualquer batalha contra qualquer um que poderia resistir ao Titã.

O primeiro movimento de Kil’jaeden foi escravizar os dreadlords vampiros debaixo de seu terrível poder. Os dreadlords serviram como seus agentes pessoais ao longo do universo, e levaram prazer localizando raças primitivas para seu mestre corromper e subjugá-los. O Primeiro entre os dreadlords era Tichondrius, o Darkener. Tichondrius serviu Kil’jaeden como o soldado perfeito e concordou levar por Sargeras o testamento ardente para todos os cantos escuros do universo.

O Archimonde poderoso também autorizou seus agentes. Chamando os senhores de Malefics Pit Lords e o líder bárbaro deles, Mannoroth, o Destructor, Archimonde esperou estabelecer uma elite lutadora que poliria a criação de toda a vida.

Uma vez que os exércitos de Sargeras foram recrutados e estavam prontos para seguir seu comando, ele lançou suas forças se enfurecendo na imensidade da Grande Escuridão. Ele recorreu ao seu exército crescente como a Burning Legion. Para esta data, ainda obscura eles consumiram e queimaram quantos mundos quanto possivel na sua Cruzada Ardente e profana pelo universo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: